10721 - Eficiência do tratamento sementes com produtos alternativos no controle do gorgulho do milho

Autores

  • Dirk Claudio Ahrens IAPAR
  • Danilo Fernado Guimarães Silva Cescage
  • Magda Fernanda Paixão UFPR depto produção vegetal - LAMIP

Palavras-chave:

controle alternativo, qualidade fisiológica, infestação, Sitophilus zeamais Mots

Resumo

Este trabalho tem por objetivo verificar a eficiência dos tratamentos de sementes de milho com diferentes produtos alternativos no controle do gorgulho do milho no armazenamento por 19 meses. O experimento está sendo conduzido nas unidades de beneficiamento de sementes em Ponta Grossa/PR e Londrina/PR. Para cada local de armazenamento os tratamentos foram com pós de cinzas de xisto, terra diatomácea e sílica, nas dosagens de 1 Kg. 1Mg-1 e 5 Kg. 1Mg-1; e sementes não tratadas (testemunha). Estão sendo realizados exame de sementes infestadas e testes de germinação e vigor. Aos 180 dias, em Ponta Grossa, quanto ao percentual de sementes infestadas, há diferenças significativas para os diferentes tratamentos para cinza de xisto e sílica, ambas na dose 1, em relação à testemunha e cinza de xisto dose 2. Para as variáveis germinação e vigor não houveram diferenças significativas entre os tratamentos. Aos 270 dias apenas para o ensaio em Ponta Grossa todos os tratamentos foram significativamente superiores à testemunha para as variáveis infestação, germinação e vigor.

Biografia do Autor

Dirk Claudio Ahrens, IAPAR

Possuo graduação em Engenharia Agronômica pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (1977), mestrado em Ciência e Tecnologia de Sementes pela Universidade Federal de Pelotas (1993) e doutorado em Agronomia (Produção Vegetal) pela Universidade Federal do Paraná (2000). Atualmente sou pesquisador científico do Instituto Agronômico do Paraná em Ponta Grossa e líder do programa de pesquisa em Agroecologia da instituição. Tenho experiência na área de Agronomia, com ênfase em Agricultura Familiar, Agroecologia e Tecnologia de Sementes, atuando principalmente nos seguintes temas: agroecolgia, gestão de propriedades familiares agroecológicas, qualidade fisiológica e teor de água de sementes.

Danilo Fernado Guimarães Silva, Cescage

graduando em agronomia pelo Cesgage, Ponta Grossa, PR, estagiário por dois anos PIBIC/IAPAR.

Magda Fernanda Paixão, UFPR depto produção vegetal - LAMIP

Possui graduação em Ciências - Licenciatura Plena em Biologia pelas Faculdades Integradas Espírita (2008). Foi bolsista do Instituto Agronômico do Paraná (IAPAR), atuando principalmente com tratamentos alternativos para controle de pragas de grãos armazenados. Atualmente faz mestrado na UFPR/ Prod vegetal/LAMIP

Publicado

2011-11-15

Edição

Seção

VII CBA - 1. Conhecimento, tecnologias sustentáveis e políticas públicas

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)

1 2 > >>