10612 - Estimativa de horas de sombreamento em função de latitude, espaçamentos e alturas de árvores em sistemas agroflorestais com cafeeiros no Maciço de Baturité, CE

Autores

  • Paulo César de Lima Empresa de Pesquisa Agropecuária de Minas Gerais
  • Waldênia de Melo Moura Empresa de Pesquisa Agropecuária de Minas Gerais
  • Rafael Silva Ramos dos Anjos Universidade Federal de Viçosa/ Estudante Agronomia
  • Clayton Leite Moreira Universidade Federal de Viçosa/ Estudante Agronomia

Palavras-chave:

Sombreamento de cafeeiros, espécies em sistemas agroflorestais, cálculo de insolação

Resumo

Este trabalho teve como objetivo estimar horas de sombra em função da latitude, espaçamentos e altura de plantas em sistemas agroflorestais com cafeeiros no Maciço de Baturité, CE. Para isso foi feito a listagem e o levantamento de alturas das espécies arbóreas nativas e frutíferas que são comumente empregados em sistemas agroflorestais com a cultura do café no Maciço de Baturité. Foram estabelecidos quatro espaçamentos diferentes entre as árvores e os cafeeiros. O sombreamento no cafeeiro variou de 8,8 horas para 2,9 horas nas situações estabelecidas e, tomando-se como base a sugestão de cobertura do terreno de 50% da área do cafezal, os melhores espaçamentos encontrados foram de 8 m para árvores de 20 e 25 m, de 6 m para árvores de 10 e 15 m e de 4 m para árvores de 5 m. Concluiu-se que a metodologia mostra-se eficiente para o estabelecimento de espaçamentos adequados entre árvores e entre árvores e cafeeiros a partir do sombreamento que essas plantas causam.

Biografia do Autor

Paulo César de Lima, Empresa de Pesquisa Agropecuária de Minas Gerais

EPAMIG/ Unidade Regional da Zona da Mata, Pesquisador Solos e Nutrição de Plantas.

Waldênia de Melo Moura, Empresa de Pesquisa Agropecuária de Minas Gerais

EPAMIG/ Unidade Regional da Zona da Mata, Pesquisadora Melhoramento Vegetal.

Rafael Silva Ramos dos Anjos, Universidade Federal de Viçosa/ Estudante Agronomia

FAPEMIG/ EPAMIG-Unidade Regional da Zona da Mata, Bolsista BIC.

Clayton Leite Moreira, Universidade Federal de Viçosa/ Estudante Agronomia

EPAMIG-Unidade Regional da Zona da Mata, estagiário

Downloads

Publicado

2011-11-04

Edição

Seção

VII CBA - 1. Conhecimento, tecnologias sustentáveis e políticas públicas

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)

<< < 1 2