Os “Nossas Roças”: boletins agroecológicos como instrumentos pedagógicos

##plugins.themes.bootstrap3.article.main##

Leonardo Abud Dantas Oliveira Amanda de Oliveira Andrade Irene Maria Cardoso Fabrício Vassalli Zanelli Ramon da Silva Teixeira

Resumo




A agroecologia entendida como movimento, ciência e prática é uma proposta concreta de mudança dos atuais paradigmas social, ambiental, científico e político. Na Zona da Mata mineira a UFV, CTA-ZM, e as organizações dos agricultores atuam na pesquisa e na prática da agroecologia. Nestes territórios a transição agroecológica se dá por meio de metodologias participativas, em especial os Intercâmbios Agroecológicos. Os ambientes são promovidos à interface entre o conhecimento tradicional dos agricultores e o conhecimento científico. A história de vida, os saberes populares e os conhecimentos práticos são reconhecidos, valorizados e sistematizados. A comunicação e a publicação destes relatos ocorrem no formato de informativos. São quatro modalidades de boletins: Nossa Roça; Nossa Pesquisa na Roça; Nossa Roça Tecnologia Social e Nossa Cultura na Roça. O compartilhamento e a ampliação das experiências agroecológicas são importantes instrumentos pedagógicos para o diálogo e a compreensão da agroecologia.




##plugins.themes.bootstrap3.article.details##

Como Citar
OLIVEIRA, Leonardo Abud Dantas et al. Os “Nossas Roças”: boletins agroecológicos como instrumentos pedagógicos. Cadernos de Agroecologia, [S.l.], v. 12, n. 1, july 2017. ISSN 2236-7934. Disponível em: <http://revistas.aba-agroecologia.org.br/index.php/cad/article/view/22353>. Acesso em: 20 july 2018.
Seção
Artigos