Resultados preliminares sobre a qualidade de sementes de erva-mate coletados no estado de Mato Grosso do Sul em 2015

##plugins.themes.bootstrap3.article.main##

Eny Duboc http://orcid.org/0000-0002-8338-3275 Roberta S. S. Samayara R. de França

Resumo

Quando os frutos da erva-mate amadurecem, as sementes ainda apresentam embriões imaturos e dormência tegumentar. A estratificação em areia úmida é o método empregado para propiciar o amadurecimento do embrião da semente e, ao mesmo tempo, auxiliar na degradação do endocarpo. Nos estados do sul do Brasil, esse processo dura cerca de 180 dias, em média. Contudo, há relatos de diferenças entre essas procedências e as de Mato Grosso do Sul (MS), quanto ao desempenho da germinação de sementes. O objetivo deste trabalho foi avaliar as características morfométricas das sementes, e a influência de diferentes períodos de armazenamento em câmara fria, combinados com estratificação em areia úmida sobre o teor de umidade de lotes de sementes coletadas no MS. As sementes coletadas na safra 2014/2015, absorveram água durante o período de estratificação, e apresentaram massa inferior ao relatado na literatura, com maior número de sementes por kg.

##plugins.themes.bootstrap3.article.details##

Como Citar
DUBOC, Eny; FRANÇA, Roberta S. S. Samayara R. de. Resultados preliminares sobre a qualidade de sementes de erva-mate coletados no estado de Mato Grosso do Sul em 2015. Cadernos de Agroecologia, [S.l.], v. 11, n. 2, jan. 2017. ISSN 2236-7934. Disponível em: <http://revistas.aba-agroecologia.org.br/index.php/cad/article/view/21644>. Acesso em: 04 dec. 2020.
Palavras-chave
Ilex paraguariensis, sistema agroflorestal, chimarrão, tereré
Seção
Agroecol 2016 - Uso e Conservação dos Recursos Naturais

Referências

CATAPAN, M. I. S. Influência da temperatura, substrato e luz na germinação de sementes de erva-mate (Ilex paraguariensis St. Hil.). 1998. 97 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Florestais) - Universidade Federal do Paraná, Curitiba.

DANIEL, O. Erva mate: sistema de produção e processamento industrial. Dourados, MS: UFGD; UEMS, 2009. 288p.

DORNELES, R. C. Erva mate dezembro de 2013. Disponível em: http://www.agricultura.pr.gov.br/modules/qas/uploads/3636/erva_mate_14_out_2013.pdf. Acessado em 07 de julho de 2014.

DORNELES, R. C. Erva mate setembro de 2013a. Disponível em: http://www.agricultura.pr.gov.br/arquivos/File/deral/Prognosticos/Erva_Mate_2013_2014.pdf. Acessado em 07 de julho de 2014.

DUBOC, E. Erva-mate: parâmetros para seleção de planta matriz e área de coleta de sementes / 1º REUNIÃO TÉCNICA SOBRE PRODUÇÃO DE MUDAS DE ERVA-MATE EM MATO GROSSO DO SUL, Amambai, 11 de março de 2014. Anais... Dourados: Embrapa Agropecuária Oeste. 45p. 2015. (Embrapa Agropecuária Oeste. Documentos, 132).

FOWLER, J. A. P.; STURION, J. A. Aspectos da formação do fruto e da semente na germinação da erva-mate. Colombo: Embrapa Florestas, 2000. 5p. (Embrapa Florestas, Comunicado técnico, 45).

KUNIYOSHI, Y. S. Morfologia da semente e da germinação de 25 espécies arbóreas de uma floresta com Araucária. 1983. 231 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Florestais). Universidade Federal do Paraná, Curitiba.

MALAVASI, M. M. Germinação de sementes. In: RODRIGUES, F. M. C. Manual de análise de sementes florestais. Campinas: Fundação Cargill, 1988. p. 25-40.

MEDEIROS, A. C. de S.; SILVA, L. C. da. Efeitos da secagem na viabilidade das sementes de Ilex paraguariensis St. Hil. Boletim de Pesquisa Florestal, Colombo, n. 42, jan./jun. 2001. p. 35-46.

MENEGUETI, J. C. B.; NOBREGA, L. H. P.; SMANHOTTO, A.; SILVEIRA, J. K. M. da. Superação da dormência de sementes de erva-mate (Ilex paraguariensis St. Hil.) por estratificação. Revista Varia Scientia, Cascável. v. 04, n. 08. p. 157-182. 2004.

MUTINELLI, A. Caracteres biométricos de las semillas de la yerba-mate. Posadas: UNaM, 1988. 28 p. (UNaM. Número especial, 5).

PRODUÇÃO AGRÍCOLA MUNICIPAL: culturas temporárias e permanentes: 2001: Brasil. Rio de Janeiro: IBGE, v. 28, 2001. 80 p. Disponível em: . Acesso em: 07 jun. 2014.
PRODUÇÃO AGRÍCOLA MUNICIPAL: culturas temporárias e permanentes: 2011: Brasil. Rio de Janeiro: IBGE, v. 38, 2012. 97p. Disponível em: . Acesso em: 07 jun. 2014.
PRODUÇÃO AGRÍCOLA MUNICIPAL: culturas temporárias e permanentes: 2014. Rio de Janeiro: IBGE, v. 41, 2015. 100p. Disponível em: . Acesso em: 12 set. 2016.
PRODUÇÃO DA EXTRAÇÃO VEGETAL E DA SILVICULTURA: 2014. Rio de Janeiro: IBGE, v. 29, 2015. 56 p. Disponível em: . Acesso em: 7 jul. 2014.
REGRAS para análise de sementes. Brasília, DF: Secretaria Nacional de Defesa Sanitária, Departamento Nacional de Defesa Vegetal, 1992. 365 p.
SCHUCH, S. L. C. Comportamento germinativo de sementes de erva-mate (Ilex paraguariensis St. Hil.). In: SEMINÁRIO SOBRE ATUALIDADES E PERSPECTIVAS FLORESTAIS: SILVICULTURA DA ERVA-MATE (Ilex paraguariensis St. Hil.), 10, CURITIBA, 1983. Anais... Embrapa CNPF: Curitiba, 1985. (Embrapa CNPF, Documentos, 15).