Associação de Produtores Orgânicos de Mato Grosso do Sul: uma caminhada de grandes desafios e de conquistas

##plugins.themes.bootstrap3.article.main##

Denise Soares da Silva Padovan Olácio Mamoru Komori Pablo Soares Padovan Jaine Aparecida Balbino Soares Milton Parron Padovan

Resumo

Ao completar dezesseis anos de caminhada, a Associação de Produtores Orgânicos de Mato Grosso do Sul – APOMS, que construiu sua história apoiando a produção em bases agroecológicas e processos organizacionais de seus associados, passou a investir para se tornar um Organismo Participativo de Avaliação de Conformidade – OPAC, com intuito de, legitimamente, validar a produção orgânica dos associados, certificando-a. Esse ainda é um caminho longo a percorrer, mas os frutos advindos dessa caminhada estão sendo colhidos atualmente e a satisfação dos associados é o maior prêmio. Evidentemente essa história não é permeada apenas por vitórias, mas após percorrer esses anos com objetivo de representar e trabalhar para o bem comum dos seus associados, a APOMS tem conseguido aumentar seu quadro de associados e conquistar a credibilidade do público consumidor quanto aos produtos orgânicos comercializados em feiras, entre outros processos de venda direta.

##plugins.themes.bootstrap3.article.details##

Como Citar
PADOVAN, Denise Soares da Silva et al. Associação de Produtores Orgânicos de Mato Grosso do Sul: uma caminhada de grandes desafios e de conquistas. Cadernos de Agroecologia, [S.l.], v. 11, n. 2, dec. 2016. ISSN 2236-7934. Disponível em: <http://revistas.aba-agroecologia.org.br/index.php/cad/article/view/21579>. Acesso em: 03 dec. 2020.
Seção
Agroecol 2016 - Desenvolvimento Rural e Urbano em Bases Agroecológicas

Referências

KOMORI, O. M., PADOVAN, M. P., RANGEL, M. A. S., LEONEL, L. A. K. Núcleo de agroecologia de Mato Grosso do Sul. Revista Brasileira de Agroecologia, v. 2, n. 1, 2007.

KOMORI, O. M., PEDROSA, R. A., SILVA, J. C., VITA, E. A., PRATA, V., da COSTA, Z. F. Visita de pares: muito mais que controle social, o fortalecimento de relações solidárias. Cadernos de Agroecologia, v. 7, n. 2, 2012.

KOMORI, O. M., PEDROSA, R. A., VITA, E. A., CUNHA, J. S., PRATA, V. G. Sistema Participativo de Garantia: caminhos percorridos pela Associação dos Produtores Orgânicos de Mato Grosso do Sul. Cadernos de Agroecologia, v. 7, n. 2, 2012.

NOVAES, W. Eco-92: avanços e interrogações. Estudos Avançados, v. 6, n. 15, p. 79-93, 1992.

PADOVAN, D. S. S.; NASCIMENTO, J. S.; PADUA GOMES, J. B.; FERNANDES, S. S. L.; PADOVAN, M. P.Transição agroecológica na agricultura familiar em Mato Grosso do Sul: alguns avanços e desafios. Cadernos de Agroecologia, v. 9, n. 4, 2015.

PADOVAN, M. P.; URCHEI, M. A.; MERCANTE, F. M.; CARDOSO, S. Agroecologia em Mato Grosso do Sul: princípios, fundamentos e experiências. Dourados, MS: Embrapa Agropecuária Oeste, 2005.

PEDROSA, R. A.; KOMORI, O. M. Agricultores familiares da APOMS e o manejo de sistemas agroecológicos. Cadernos de Agroecologia, v. 7, n. 2, 2012.

SANTOS, G. C. dos; MONTEIRO, M. Sistema orgânico de produção de alimentos. Alimentos e Nutrição, v. 15, n. 1, p. 73-86, 2008.