Dinâmica da Temperatura na Compostagem de Resíduos da Indústria do Palmito

##plugins.themes.bootstrap3.article.main##

Rafael Ricardo Cantú Euclides Schallerberger Rafael Gustavo Ferreira Morales Marcelo Mendes Haro Alexandre Visconti

Resumo

A indústria de palmito em conserva vem se expandindo rapidamente no Estado de Santa Catarina, envolvendo uma série de unidades de processamento e de produtores da palmeira real (Archontophoenix alexandrae e Archontophoenix cunninghamiana). Embora a atividade possua elevada importância sócio econômica, o processo industrial gera um grande volume de resíduos que não possuem um destino adequado, tornando-se um preocupante passivo ambiental. O objetivo desse estudo foi avaliar a dinâmica da temperatura na compostagem dos resíduos da indústria do palmito, comparado a de materiais tradicionalmente utilizados. O experimento foi conduzido na Estação Experimental da Epagri - EEI, localizada no município de Itajaí SC, entre os meses de janeiro e maio de 2015. Os tratamentos avaliados foram três tipos de compostagem, com resíduos de palmito da palmeira real; resteva de milho verde (cana e folhas) e capim elefante, todos misturados à cama de aves. Foram avaliadas a dinâmica diária das temperaturas nesses materiais com três repetições por tratamento. A compostagem foi desenvolvida durante 144 dias e ao final, foram analisadas as principais características agronômicas do composto produzido. A compostagem dos resíduos da indústria do palmito apresentou uma prolongada fase termofílica, seguido por uma fase mesofílica ao final, características de um bom desenvolvimento do processo, sendo semelhante às obtidas com os outros resíduos avaliados. A compostagem dos resíduos da indústria do palmito pode ser realizada com eficiência, desenvolvendo uma dinâmica de temperatura semelhante às encontradas em sistemas consolidados de compostagem, produzindo um material de elevado valor agronômico.

##plugins.themes.bootstrap3.article.details##

Como Citar
CANTÚ, Rafael Ricardo et al. Dinâmica da Temperatura na Compostagem de Resíduos da Indústria do Palmito. Cadernos de Agroecologia, [S.l.], v. 11, n. 2, jan. 2017. ISSN 2236-7934. Disponível em: <http://revistas.aba-agroecologia.org.br/index.php/cad/article/view/21347>. Acesso em: 05 dec. 2020.
Palavras-chave
palmeira real, composto, Pennisetum purpureum
Seção
Agroecol 2016 - Manejo de Agroecossistemas Sustentáveis

Referências

AGUILERA, et al. The potential of organic fertilizers and water management to reduce emissions in Mediterranean climate cropping systems. A review. Agriculture, Ecosystems & Environment, v. 164 p. 32-52, 2013. Disponível em: < http://www.sciencedirect.com/science/article/pii/S0167880912003489>. Acesso em: 22 ago. 2016.

BERNAL, M. P.; ALBURQUERQUE, J. A.; MORAL, R. Composting of animal manures and chemical criteria for compost maturity assessment. A review. Bioresource Technology, v. 100, p. 5444-5453, 2009. Disponível em: < http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/19119002>. Acesso em: 21 ago. 2016.

BRITO, et al. Transformação da matéria orgânica e do nitrogênio durante a compostagem da fração sólida do chorume bovino. Revista Brasileira de Ciência do Solo, v. 32, n. 5, p. 1959-1968, 2008. Disponível em: < http://www.scielo.br/pdf/rbcs/v32n5/17.pdf>. Acesso em: 18 ago. 2016.

CANTÚ, R. R. Acidificação de dejetos de suínos em compostagem automatizada: emissões gasosas de nitrogênio e resposta da alface à aplicação do composto no solo. Tese (Doutorado). PPGCS / Universidade Federal de Santa Maria, 2015. Disponível em: < http://w3.ufsm.br/ppgcs/images/Teses/RAFAEL-RICARDO-CANTU-TESE.pdf>. Acesso em 21 ago. 2016.

CHEN YN, et al. Corn straw composting in the field and in situ fertilizer effect. Ying Yong Sheng Tai Xue Bao, v. 25, n. 12, p. 3507-3513, 2014. Disponível em: < http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/25876401>. Acesso em: 23 ago. 2016.

EL EZABY, F. A biological in vitro study on the red Indian date palm weevil. Arab Journal of Plant Protection, v. 15, n. 2, p. 84-87, 1997. Disponível em: < http://isplb03-aux3.semantico.net/abstracts/19981108296.html>. Acesso em: 25 ago. 2016.

FERMINO, et al. Aproveitamento dos resíduos da produção de conserva de palmito como substrato para plantas. Horticultura Brasileira, v. 28, p. 282-286, 2010. Disponível em: < http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_ arttext&pid=S0102-05362010000300007>. Acesso em: 18 ago. 2016.

GAJALAKSHMI, S.; ABBASI, S. A. Solid Waste Management by Composting: State of the Art, Critical Reviews in Environmental Science and Technology, v. 38, n. 5, p. 311-400, 2008. Disponível em: < http://www.tandfonline.com/doi/full/10.1080/ 10643380701413633?scroll=top&needAccess=true>. Acesso em: 27 ago. 2016.

JACARANDA, D.; COSTA, J. S. S.; BORGES, W. L. Compostagem de resíduos orgânicos: avaliação de resíduos disponíveis no amapá. Cadernos de Agroecologia, v. 10, n. 3, 2015.

JUNIOR, et al. Uso agrícola de resíduos orgânicos potencialmente poluentes: propriedades químicas do solo e produção vegetal. Tópicos Ciência do Solo, v. 4, p. 391-470, 2005. Disponível em: < http://www.academia.edu/13630492/Uso_agr%C3%ADcola_de_res%C3% ADduos_org%C3%A2nicos_potencialmente_poluentes_Propriedades_qu%C3%ADmicas_do_solo_e_produ%C3%A7%C3%A3o_vegetal?>. Acesso em: 25 ago. 2016.

KIEHL, E. J. Manual de Compostagem: maturação e qualidade do composto. Piracicaba - SP. 1998. 171p.
LEAL, et al. Compostagem de misturas de capim-elefante e torta de mamona com diferentes relações C:N. Revista Brasileira de Engenharia Agrícola e Ambiental, v. 17, n. 11, p. 1195-1200, 2013. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1415-43662013001100010>. Acesso em: 21 ago. 2016.

PELIZER L.H.; PONTIERI, M. H.; MORAES, I. O. Utilização de resíduos agro-industriais em processos biotecnológicos como perspectiva de redução do impacto ambiental. Journal of Technology Management & Innovation, v. 2, n. 1, p. 118-127, 2007. Disponível em: < https://www.jotmi.org/index.php/GT/article/view/art41/395> Acesso em: 23 ago. 2016.

SCHALLENBERGER, et al. 2011. Seleção de variedades de hortaliças: uma proposta metodológica de pesquisa participativa. Agropecuária Catarinense v. 24, p. 55-58. Disponível em: https://www.bdpa.cnptia.embrapa.br/busca?b=ad &id=910809&biblioteca=vazio&busca=autoria:%22CANTU,%20R.%20R.%22&qFacets=autoria:%22CANTU,%20R.%20R.%22&sort=&paginacao=t&paginaAtual=1>. Acesso em: 27 ago. 2016.

SANTOS, A. A.; FELICIANO, A. M.; PADRÃO, G. A. – In: Feliciano, A.M. (Coord.). Números da Agropecuária Catarinense. Florianópolis: Epagri/Cepa, 2015. 69 p.

TEDESCO, et al. Análises de solo, plantas e outros materiais. 2.ed. Porto Alegre: UFRGS, 1995,174p.

TORRES, G. A.; TARIFA, L. R. M. Aproveitamento de Resíduos Agrícolas. Universidade de São Paulo. São Paulo, SP, 2012. 21p.