Mecanismos de Controle da Garantia da Qualidade Orgânica de Propriedades Rurais e Fomento da Agroecologia no Município de Iconha-ES

##plugins.themes.bootstrap3.article.main##

Erivelton Gonçalves Cunha Arildo Sebastião Silva Fábio Lopes Dalbom Carlos Antonio Melo Danilo Rocha

Resumo

O município de Iconha tinha sua agricultura baseada no modelo convencional, altamente dependente de insumos agrícolas externos (fertilizantes e agrotóxicos) e extremamente agressiva aos recursos naturais. Nesse contexto, o espaço rural estava sendo fortemente degradado e com pouca sustentabilidade para as famílias ali presentes. Este problema se agravou com a recente crise hídrica que assola todo estado e a crescente preocupação da população (rural e urbana) quanto a produção e consumo de alimentos saudáveis e livre de agrotóxicos. Com isso nosso trabalho teve objetivo de implantar no município um sistema de produção agrícola mais sustentável, através dos princípios da agroecologia e da certificação orgânica das propriedades rurais. Com ações focadas em grupos e organizações sociais procurou-se num primeiro momento motivar a pratica da agroecologia e num segundo momento capacitar os agricultores para implantar o sistema orgânico de produção. O terceiro momento foi de preparação das propriedades para os mecanismos de controle para garantia da qualidade orgânica, certificação por auditoria ou através do Cadastro de Organização de Controle Social (OCS). Com este trabalho duas associações (Tapuio Ecológico e Vero Sapore) foram fortalecidas e 20 associados possuem a certificação por auditoria e Declaração de Cadastro da OCS. Agricultores cooperados da CAFSul passaram a desenvolver a agroecologia em suas propriedades, sendo que 04 já possuem a certificação orgânica por auditoria e outros 31 agricultores já estão no processo de transição. Consolidou-se grupos de agricultores com produção orgânica, com mudança no sistema de produção com sustentabilidade ambiental, melhoria da qualidade de vida das famílias, comercialização da produção orgânica em diversos espaços e oferta de alimentos orgânicos para a sociedade capixaba.

##plugins.themes.bootstrap3.article.details##

Como Citar
CUNHA, Erivelton Gonçalves et al. Mecanismos de Controle da Garantia da Qualidade Orgânica de Propriedades Rurais e Fomento da Agroecologia no Município de Iconha-ES. Cadernos de Agroecologia, [S.l.], v. 11, n. 2, dec. 2016. ISSN 2236-7934. Disponível em: <http://revistas.aba-agroecologia.org.br/index.php/cad/article/view/21128>. Acesso em: 04 dec. 2020.
Palavras-chave
organização social, sustentabilidade, agricultura orgânica.
Seção
Agroecol 2016 - Desenvolvimento Rural e Urbano em Bases Agroecológicas

Referências

CAPORAL, F. R; COSTABEBER, J. A. Análise Multidimensional da Sustentabilidade Uma proposta metodológica a partir da Agroecologia. Agroecologia e Desenvolvimento Rural Sustentável. Porto Alegre: v.3, n.3, Jul./Set. 2002.

DALBOM, F. L; MOREIRA, M.F.F; MELO, C.A. Programa de Assistência Técnica e Extensão Rural PROATER 2011 - 2013. 29 p. 2011. Disponível em: < http://incaper.es.gov.br/media/incaper/proater/municipios/Caparao/Iconha.pdf>. Acesso em: 02 set. 2016.

SOUZA, J. L. Agricultura orgânica: tecnologias para a produção de alimentos saudáveis, Vitória, ES. 2015. 3v.; 371 p. Instituto Capixaba de Pesquisa Assistência Técnica e Extensão Rural, Vitória. 2015.