A produção de leite como fonte geradora de trabalho e renda no assentamento Antonio Tavares, município de São Miguel do Iguaçu - PR

##plugins.themes.bootstrap3.article.main##

Liziane Lúcia Souza Clarilton E. D. C. Ribas Júlio Graeff Erpen

Resumo

O agronegócio, na busca de índices máximos produtivos causam sérios impactos sobre os ecossistemas e a agricultura familiar. Inúmeros fatores são responsáveis pela grave crise no setor agropecuário e é fundamental estabelecer novas diretrizes para essa sombria realidade. A desconsideração de tais evidências na reorientação das estratégias produtivas tem provocado pesados efeitos sobre a natureza com elevados custos sociais para a humanidade. Para isso, uma profunda transformação no processo de produção e suas relações são necessárias. A agroecologia, nesse contexto, materializa modelos de agricultura e de sociedade sem custos ocultos como: exclusão social no campo, dependência de insumos químicos, impactos ambientais, uso insustentável dos recursos naturais, contaminação ambiental e dos alimentos. Desta forma, a agroecologia será a base na transição dos modelos convencionais para estilos de desenvolvimento rural e de agricultura sustentáveis. Para tal, o resgate dos conhecimentos e experiências já acumulados é crucial para as transformações sociais. A realidade local é uma ferramenta importante para o despertar dos trabalhadores rurais para este “novo” modo de produção. As famílias oriundas do Assentamento Antonio Tavares, localizado no município de São Miguel do Iguaçu - PR foi o foco desse estudo, que tem como principal atividade, a produção de leite. A manutenção dessa atividade é fundamental, pois além da renda mensal, gera benefícios como trabalho para toda a família, diversificação da alimentação através dos derivados do leite, facilidade comercial e diversificação das atividades na unidade de produção. O objetivo deste trabalho foi estudar as alternativas utilizadas pelas famílias no aumento da renda, considerando alguns fatores: diminuição dos custos, estabilidade da produção, diminuição da dependência de fatores externos, maior aproveitamento das condições naturais de clima, solo e produção diversificada na unidade produtiva.

##plugins.themes.bootstrap3.article.details##

Como Citar
SOUZA, Liziane Lúcia; RIBAS, Clarilton E. D. C.; ERPEN, Júlio Graeff. A produção de leite como fonte geradora de trabalho e renda no assentamento Antonio Tavares, município de São Miguel do Iguaçu - PR. Cadernos de Agroecologia, [S.l.], v. 8, n. 1, nov. 2013. ISSN 2236-7934. Disponível em: <http://revistas.aba-agroecologia.org.br/index.php/cad/article/view/15384>. Acesso em: 05 dec. 2020.
Palavras-chave
agroecologia, produção de leite, assentamento
Seção
Artigos