Controle de verminoses gastrintestinais em caprinos utilizando preparados homeopáticos

##plugins.themes.bootstrap3.article.main##

Hugo Hermsdorff Neves Maria José Höetzel Luciana Aparecida Honorato Carlos Elysio Moreira Fonseca Maria Gabriela Ferreira Mata Jenevaldo Barbosa Silva

Resumo

A verminose nos caprinos é considerada uma das principais limitações no desenvolvimento da caprinocultura. O trabalho teve por objetivo avaliar a eficácia do tratamento homeopático no controle de verminoses dos caprinos. Dezoito cabras foram subdivididas em três tratamentos: Controle, Arsenicum album CH12, Sulphur CH12. Foi realizado acompanhamento do peso dos animais, contagem de ovos por grama de fezes (OPG), cultura de larvas e avaliação da condição física pelo Método FAMACHA. Os animais tratados com os medicamentos Sulphur e Arsenicum album apresentaram menores médias de OPG para Trichostrongyloide. Os animais tratados com Sulphur apresentaram a menor média de OPG para Strongyloides, não havendo diferença estatística entre os grupos tratados com Arsenicum album e o controle. Não houve diferenças entre os tratamentos no peso dos animais ou no grau FAMACHA. Conclui-se que a homeopatia pôde auxiliar no controle de endoparasitas em caprinos.

##plugins.themes.bootstrap3.article.details##

Como Citar
NEVES, Hugo Hermsdorff et al. Controle de verminoses gastrintestinais em caprinos utilizando preparados homeopáticos. Cadernos de Agroecologia, [S.l.], v. 8, n. 1, nov. 2013. ISSN 2236-7934. Disponível em: <http://revistas.aba-agroecologia.org.br/index.php/cad/article/view/15383>. Acesso em: 05 dec. 2020.
Palavras-chave
caprinos, agroecologia, homeopatia.
Seção
Artigos