11530 - Pagamento por serviços ambientais em ambientes de montanha

##plugins.themes.bootstrap3.article.main##

Amazile López Adriana Maria de Aquino Renato Linhares de Assis

Resumo

As montanhas apresentam grande variedade de flora e fauna e desempenham papel fundamental no ciclo da água. A partir da Agenda 21, capítulo 13, denominado “Gerenciamento de Ecossistemas Frágeis: Desenvolvimento Sustentável das Montanhas”, as Nações Unidas, especialmente a Food and Agriculture Organization (FAO), incentivam a reflexão das lideranças de países de todos os continentes sobre o desenvolvimento sustentável em ambientes de montanha. Levando em consideração que as montanhas apresentam características próprias, assim como as suas populações, políticas públicas apropriadas para essas regiões são fundamentais. O objetivo deste trabalho é refletir sobre a contribuição do mecanismo Pagamento por Serviços Ambientais (PSA) para a conservação dos ambientes de montanha. Para isto foi realizado levantamento bibliográfico, constatando-se a viabilidade do PSA, principalmente na conservação de recursos hídricos como ferramenta auxiliar na conservação das regiões montanhosas conhecidas como “torres de água”.

##plugins.themes.bootstrap3.article.details##

Como Citar
LÓPEZ, Amazile; DE AQUINO, Adriana Maria; ASSIS, Renato Linhares de. 11530 - Pagamento por serviços ambientais em ambientes de montanha. Cadernos de Agroecologia, [S.l.], v. 6, n. 2, nov. 2011. ISSN 2236-7934. Disponível em: <http://revistas.aba-agroecologia.org.br/index.php/cad/article/view/11530>. Acesso em: 16 feb. 2019.
Palavras-chave
desenvolvimento rural sustentável; políticas públicas.
Seção
VII CBA -3. Instrumento de justiça ambiental e social no campo